PROJETO “VERÃO COM POESIA” – MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS

MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS

MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS

ENCONTRO POÉTICO “MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS” – 13/7/2010 – CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO "MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS" - 13/7/2010 - CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO “MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS” – 13/7/2010 – CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO "MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS" - 13/7/2010 - CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO “MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS” – 13/7/2010 – CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO "MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS" - 13/7/2010 - CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO “MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS” – 13/7/2010 – CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO "MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS" - 13/7/2010 - CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO “MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS” – 13/7/2010 – CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

ENCONTRO POÉTICO "MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS" - 13/7/2010 - CASA DE CULTURA MARIO QUINTANA

MARIAS, AMÉLIAS E CAMÉLIAS

O grupo de leitura de poemas

Marias, Amélias e Camélias convida para

Encontro Poético em

Data: 13/07/2010

Horário: 17:00

Local: Poeta Café
5º andar da Casa de Cultura Mario Quintana
Rua dos Andradas, 736
Porto Alegre – Rio Grande do Sul – Brasil

Leitura especial: Texto ” Cuide-se” de autoria do Escritor João Cony, publicado no livro Tudo o que eu posso ver, por Carmen Henke.

Fotos do ensaio no blog http://www.fernandablaya.blogspot.com

MANIFESTO CONTRA TODA A LUCIDEZ

Não Vou deixar de voar,
Por causa do granito ou do concreto,
Dos mísseis, das ruínas desoladas…

Não vou tirar meus pés do ar,
Só pra pousar nesse Deserto,
Só pra ver minhas Asas alquebradas…

Não vou deixar de voar,
Só por causa do que afirma a Lucidez,
Eu venero as alturas…!!!

Não vou tirar meus pés do ar,
Só pra concordar com a Sensatez,
Que essas noites todas são escuras…

Não vou deixar de voar,
Só pelo que julgam certo, normal e correto,
Só porque existe Alguém pra me julgar…

Não vou tirar meus pés do ar,
Porque não acredito na Certeza do reto,
Sei que e o céu é meu lugar…

Não vou deixar de voar,
Porque, lá embaixo, sou presa,
Porque, aqui, em cima, sou fera…

Não vou tirar meus pés do ar,
Porque não acredito em certezas,
Porque ressuscito quimeras…

Angelita Soares (1965)
Nasceu em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. É formada em Letras, pela FAPA e pós-graduada, pela Unilasalle, em Leitura e Produção Textual. Recebeu várias premiações em concursos literários. Pertence à Academia de Artes e Letras de Porto Alegre. Atua como catequista, na Paróquia Santíssima Trindade, pois acredita na formação moral, intelectual e espiritual das crianças e adolescentes, como vias de acesso a um mundo melhor. Está escrevendo dois novos romances: O Despertar das Profecias e A Neve do Averno.

Published in: on setembro 19, 2009 at 12:47 am  Deixe um comentário  
Tags: , , ,