VOZES POÉTICAS UNIVERSAIS: Poesia Brasileira

A Casa de Cultura Mario Quintana apresenta o segundo espetáculo do projeto VOZES POÉTICAS UNIVERSAIS 2010, idealizado e coordenado pelo poeta, editor e pesquisador gaúcho Paulo Bacedônio.
O projeto compreende uma série de cinco espetáculos bimensais, sendo este o segundo, temático sobre a Poesia Brasileira, com a leitura de poemas de poetas clássicos e contemporâneos nascidos em vários Estados do País.
O segundo espetáculo tem como convidados especiais a poetisa Floreny Ribeiro e o músico Vitor Bitencourt.
Destaca-se ainda que será editado especialmente para este espetáculo o livro de bolso, Seis poetas brasileiros, em uma edição semiartesanal e numerada, que será sorteada para o público.
Os próximos espetáculos apresentarão a Poesia da Europa, da África, da Ásia e das Américas do Sul, Central e do Norte.

O QUÊ: Segundo espetáculo do projeto VOZES POÉTICAS UNIVERSAIS 2010
QUANDO: Quinta-feira, 17 de Junho de 2010, às 19horas
ONDE: Quintana’s Bar / Acervo Mario Quintana – Mezanino
Casa de Cultura Mario Quintana
Rua dos Andradas, 736
Porto Alegre – Rio Grande do Sul – Brasil

ENTRADA FRANCA

Apoio Cultural: Instituto Cultural Português, Academia de Letras do Brasil e Casa do Poeta Latinoamericano

–––––––––

Paulo Bacedônio, poeta, artista plástico, editor e pesquisador. Nasceu a 15 de Janeiro de 1974, em Porto Alegre (RS), Brasil. Publicou: Embrionário (1996); Livro cálido (2005); IV poemas (2006); 7 poemas cálidos (2006); vagasAvapor (2008); Três poemas bilíngues, edição em português e espanhol (2009); Quatro poemas bilíngues, edição em português e espanhol (2010). Participou pessoalmente dos V, VI e XVI Congressos Brasileiros de Poesia, em Bento Gonçalves/RS (1997/1998/2008), do 1º Encontro Internacional de Poesia, em Jaguarão/Brasil e Rio Branco/Uruguai (1998) e do 6º Encontro Internacional de Escritores, em Tinogasta/Argentina (2010); e participou também da VII Bienal Internacional de Poesia Visual/Experimental do México (2001), do 5º A. V. Text-Fest, Festival de Literatura Experimental, em Mexicali/México (2002), do 5º Encontro Internacional de Poesia Visual, Sonora e Experimental, em Buenos Aires/Argentina (2002), da XIII Mostra Internacional de Poesia Visual, em Bento Gonçalves/Brasil (2008) e da EX!POESÍA – 1ª Bienal de Poesia Experimental de Euskadi, em Euskadi/ Espanha (2008). Participou de exposições de pintura, desenho, gravura, livro de artista, poesia visual e arte postal no Brasil e nos seguintes países: França, Argentina, Cuba, Venezuela, Romênia, Espanha, México, Estados Unidos, Bélgica, Canadá, Itália, Alemanha, Reino Unido, Portugal, Holanda, Chile, Luxemburgo, Austrália, Malásia, Grécia, Rússia e Uruguai. Recebeu prêmios e distinções pelo seu trabalho em prol da arte.

Anúncios

The URI to TrackBack this entry is: https://farolante.wordpress.com/2010/06/09/vozes-poeticas-universais-poesia-brasileira/trackback/

RSS feed for comments on this post.

One CommentDeixe um comentário

  1. Paulo,

    Não tenho dúvidas da sua capacidade e criatividade no que se refere ao Poema Visual. Entretanto admiro a sua capacidade de organizar e criar eventos em torno das artes em geral.
    Desejo-lhe sucesso, sempre.
    O amigo
    Hugo Pontes


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: